segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Evangelho no estilo brasileiro de ser





Quando era pequeno adorava ler e lia de tudo realmente. Um dos personagens que mais me chamava atenção nas historias em quadrinhos era o Zé Carioca! Interessante que naquele tempo ria de suas trapaças e achava engraçado, mas hoje percebo que infelizmente ele é o espelho que reflete muito bem o caráter cultural da nossa sociedade. Será que vocês já ouviram a expressão: O jeitinho brasileiro de ser? Se já ouviram isso compreendem o que pretendo falar nesse post (...)



É triste se constatar que o evangelho no Brasil, mesmo importando tantos modismos e heresias gringas, também faça uso das mazelas nacionais. Percebo isso não apenas quando o assunto é ofertar, e a máxima, chavão tão consagrado em nosso meio, volta à tona: "Aquilo que você ofertar, Deus lhe restituirá em dobro", ao que se segue com o grupo de louvor entoando vorazmente: "Restitui! Eu quero de volta o que é meu..."


Não! Já não basta-nos o simples prazer e privilégio de ir à Casa do Senhor adorá-lO pela Sua misericórdia e bondade. É preciso algo mais... um motivo "maior". Na busca ou na invenção de tal motivo, ouve-se de tudo:


"Venha para a Casa do Senhor, pois Ele tem uma bênção para você!"


"Vamos trabalhar para Jesus, irmãos, pois nossa obra tem uma recompensa!"


"E para você que é parceiro fiel de nosso ministério, vamos fazer uma oração forte..."


Perceba que na maioria dos exemplos acima há certa verdade, mas que pode ser sutilmente adulterada sob a pretensão de fé, "Um capitalismo disfarçado de fé".


Porém, a sutileza vem à tona e se desfaz quando vemos uma igreja que precisa justificar toda a sua adoração. Espera-se ansiosamente até que o pregador fale algo "positivo" para que se dê um brado de vitória. Os testemunhos de prosperidade vêm para atestar o bom investimento no Reino. Há ainda a garantia do retorno de todo o seu empenho quando canta-se: "Eu não morrerei enquanto o Senhor não cumprir em mim todos os sonhos que Ele mesmo sonhou pra mim".


Fico imaginando o que seria de Nínive se Deus não se arrependesse da promessa que fez pela boca de Jonas depois de sentenciá-la... ou dos israelitas que morreram no deserto e não entraram na terra prometida... e de todos os heróis do capítulo 11 de Hebreus que "viveram pela fé, e morreram sem receber o que tinha sido prometido" (v. 13). Bom, talvez o Rei Ezequias tenha cantado essa música depois que o Senhor mudou de ideia quanto à data da sua morte (II Re. 20).


Sim, eu creio que Deus é fiel, e sei que mesmo eu sendo infiel, Ele permanece assim. Porém, creio que Ele é Deus e se decidir não cumprir algo que tenha me prometido, quem exigirá dele alguma explicação? Philip Yancey diz que explicações de Deus para nós é como tentar explicar a teoria da relatividade a alguém que não sabe o que é um átomo.


Não, Deus não é mentiroso. O que promete, cumpre. Mas preciso entender que Ele cumpre por amor à Sua palavra, e que não há qualquer garantia de vida enquanto Deus não cumprir, fosse assim, daria pra saber mais ou menos a data de nosso próprio velório, não é!? (rs).


O verdadeiro adorador não precisa de "incentivos" para adorar. Não me importa se o dia da minha vitória é hoje, pois "Deus marcou na agenda e não passa de hoje, não!" - minha adoração independe disso. Eu não preciso de mais uma pílula de ânimo de "eu sei que chegará minha vez". Também não quero fechar os olhos para os perdidos cantando: "Ainda bem que eu vou morar no céu" enquanto eles caminham a passos largos pro inferno.


Enfim, cansei de ser o queridinho de Jesus! Basta-me ser reconhecido como filho, mesmo tendo sido adotado. Que alegria ser co-herdeiro das bênçãos de Deus por Seu filho Jesus. Que privilégio poder chamá-lo de Abba! Toda glória seja Àquele que está guardando meu galardão. Pra mim, bastaria abraçá-lo.


No amor de Cristo sem jeitinhos,

13 comentários:

  1. Adorei! Infelizmente os grandes "Hits" Gospel são criados por pessoas que não conhecem o verdadeiro Evangelho e nem tampouco o verdadeiro caráter de Deus. Seria "mais fácil" adorar a Deus pelo o que Ele é e fez, se realmente soubéssemos que em Jesus, já FOI TUDO CONSUMADO...
    Obrigada pela postagem! Arrasou!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Raquel,

      Boa parte das musicas hoje atendem a demanda de mercado. não são para adoração do Senhor, servem para atrair pessoas que pulem e gritem mas que nunca meditem nessas letras.

      Na paz

      Robson Moreira

      Excluir
  2. Robson, é verdade, como disse Caio Fábio em tempos remotos: O mensagem do evangelho mudou, Agora ir para o céu é ser rico e ser pobre é estar no inferno.

    Assim como a mensagem do evangelho sumiu de muitos pulpitos, semelhantemente sumiu dos microfones e passou longe de muitas gravadoras!

    Paz
    http://oblogdoheverton.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. paz mano,

      Existe uma campanha de incentivo a leitura biblica, e é isso que precisamos urgente... Voltar o mais rapido possivel a fonte inesgotavel e abandonar "as cisternas que não podem reter agua por um tempo prologado"

      Na paz

      Robson

      Excluir
  3. Amei sua postagens continua nessa força terra santa vamos ser parceiros ???

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pelo post Robson, nos pegamos cantando essas músicas muitas vezes sem nem entender o que elas realmente estão dizendo. Que o Senhor tenha de nós misericórdia.Mas o que fazer quando muitas delas são cantadas dentro das igrejas? Deixo essa pergunta para reflexão. Deus te abençoe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. paz Suzy,

      Obrigado pela visita. Realmente temos esse problema, boa parte das musicas atuais poderiam tocar em qualquer lugar, pois pouco falam acerca de Deus. Acho que devemos procurar a base do problema e digo sem medo algum, o problema está no fato das pessoas terem abandonado a biblia... Cantores que compõe sem nem ao menos conhecer a historia biblica, seu contexto e assim por diante.

      Precisamos voltar urgente a leitura das escrituras e assim irá jorrar um manancial da nossa alma em adoração a Deus.

      A liderança deve apontar os erros pelas escrituras e conduzir seu rebanho a pastos tranquilos para que os hinos de adoração a Deus (somente ele), venham voltar para os nossos cultos...

      Aviva Senhor a tua obra; pela palavra

      Biblia aberta nos pulpitos - Igreja viva

      Robson Moreira

      Excluir
  5. VIVEMOS TEMPOS INTERESSANTES EM QUE FAZEM CAMPANHAS POLÍTICAS NAS IGREJAS,MUITAS DAS VEZES, FAZEM PROPAGANDAS DE CANDIDATOS A ELEIÇÕES,ALGUNS POSSIVELMENTE HONESTOS, OUTROS QUE TODOS JÁ SABEM SEREM CORRUPTOS,DESVIARAM VERBAS QUE SERIA PARA FAZER OBRAS QUE BENEFICIARIAM UMA GRANDE PARTE DE UMA POPULAÇÃO POBRE ( É ÓBVIO QUE A MAIORIA SOMOS POBRES). POLÍTICOS FILMADOS FAZENDO FALCATRUAS,OU DESCOBERTOS COM O PRODUTO DO CRIME NAS CUECAS OU COM FUNDAÇÕES FANTASMAS, PORÉM EM NOME DE INTERESSES PRÓPRIOS FAZEM VISTAS GROSSAS OU SEJA ISSO NÃO SE CONSIDERA PECADO..NESSA NOSSA SOCIEDADE CAPITALISTA, NOJENTA, ONDE QUASE TODOS TEM SEU PREÇO, E QUASE TODOS OS DIAS TEMOS UMA SURPRESA, OU SEJA UM ESCÂNDALO AS PESSOAS JÁ ESTÃO SE ACOSTUMANDO COM ISSO, QUE JÁ SE TORNOU UMA COISA BANAL,MUITOS JÁ CALTEIZARAM SEU LADO CRÍTICO DA CAUSA, ATÉ MESMO PORQUE É MAIS CONVENIENTE.TALVEZ SEJA DEUS NOS MOSTRANDO O QUANTO O SER HUMANO É HIPÓCRITA,FRACO.ACHO QUE, INFELIZMENTE, ESSE PERSONAGEM: JOSÉ CARIOCA, REPRESENTA SIM MUITO BEM O POVO BRASILEIRO.REPRESENTA DE FORMA GERAL A SOCIEDADE BRASILEIRA E ISSO FAZ PARTE DO COMPORTAMENTO DA MAIORIA,COMO SANGUE QUE CORRE NAS VEIAS, OU PODE ACONTECER QUE UM CHAMADO HONESTO SE ENVOLVE COM UM TIPO DESSE, MAS SE FAZ DE DISTRAÍDO, POR QUE É INOCENTE OU PORQUE TEM INTERESSES TAMBÉM COMO A MAIORIA POIS O SISTEMA NO QUAL ESTÁ INSERIDO, É MAIS FORTE DO QUE O CARÁTER DE UMA GRANDE MASSA. PORÉM HÁ UMA ESPERANÇA: UMA PARTE DO POVO DE DEUS NÃO SEGUE ESSA LOUCURA, MESMO QUE SEJA UMA PEQUENA PARTE, MAS SEMPRE HAVERÁ ESSA PARCELA QUE SÃO ATÉ MAL AMADOS POR ONDE PASSAM,MAS QUE NÃO SE VENDE, SEMPRE EXISTIRÃO ESSES, GRAÇAS A DEUS.NO ENTANTO ,EXISTE UMA PARCELA QUE ACREDITA QUE OS CRENTES DOMINARÃO O MUNDO. DÁ PRA LEMBRAR, HITLER, ALEXANDRE O GRANDE, NAPOLEÃO, E OUTROS MALUCOS. QUANDO REFLETIMOS SOBRE A VIDA DE JESUS CRISTO, DOS HERÓIS DA FÉ,DOS PROFETAS, DOS PROFETAS MENORES, QUE ESTAMOS ESTUDANDO NA ESCOLA DOMINICAL ATUALMENTE.ELES APENAS SERVIRAM A DEUS, E MESMO OS FUJÕES NÃO TIVERAM ALTERNATIVA, DEUS FOI ATRÁS E OS OBRIGARAM.TODOS SOFRERAM E MORRERAM EM NOME DO EVANGELHO, E MUITOS OUTROS. HOJE OS PROFETAS, PREGADORES,CANTORES QUEREM E MUITOS FICAM MILIONÁRIOS.ELES SÃO "ABENÇOADOS".CARRO É COISA DO PASSADO,O NEGÓCIO DO MOMENTO É AVIÃO, SENÃO VC NÃO SERÁ PRÓSPERO,NÃO SERÁ UM ABENÇOADO E SIM UM AMALDIÇOADO.ENQUANTO EU VIVER, COM TODOS OS MEUS DEFEITOS, FALHAS, QUERO ME INDIGNAR COM ESSAS COISAS, ACREDITO QUE AGRADA A DEUS.ENQUANTO ISSO OS PECADORES EXPLÍCITOS ESTÃO SOLTOS E NINGUÉM FAZ NADA.

    ResponderExcluir
  6. É verdade! o povo brasileiro está preso mentalmente! uma das piores prisões!! Precisamos dá espaço pra Deus mudar muitas tradições que acompanham a Igreja, muitos pastores são cheios de filosofias humanas pra manipular as pessoas, e o mais triste, elas se submetem!
    http://solteiricecrista.blogspot.com.br/
    Geeh Rodrigues

    ResponderExcluir
  7. Ola, bela postagem, seu blog e muito legal, ja to seguindo, ate mais fica com Deus.

    Espero você em meu blog para seguir e comentar.
    http://www.blogchequemaster.com

    ResponderExcluir
  8. Ola indiquei seu blog ao premio dardos: Veja no linki aseguir; http://www.blogchequemaster.com/2012/11/premio-dardos.html

    ResponderExcluir
  9. Bom!
    ...adorar é coisa muito séria, mesmo!
    Paz!

    ResponderExcluir
  10. Paz mano Robson,
    Massa demais seu post, super relevante e urgente! Cara, não vou dizer que "adorei", porque diante do exposto, podemos extrair do papo como a irmã disse logo acima que "adorar é uma coisa muito séria", mas foi uma sacada fantástica!
    God bless you!

    Microscopicamente teclando (João 3.30),

    pr. Walter Filho

    http://blogdowaltim.blogspot.com

    Ps.: Dá uma observada na barra lateral direita do meu blog e depois me diz o que achou, a big hug brother!

    ResponderExcluir

"Se amássemos mais a glória de Deus, se nos importássemos mais com o bem eterno das almas dos homens, não nos recusaríamos a nos engajar em uma controvérsia necessária, quando a verdade do evangelho estivesse em jogo. A ordenança apostólica é clara. Devemos “manter a verdade em amor", não sendo nem desleais no nosso amor, nem sem amor na nossa verdade, mas mantendo os dois em equilíbrio (...) A atividade apropriada aos cristãos professos que discordam uns dos outros não é a de ignorar, nem de esconder, nem mesmo minimizar suas diferenças, mas discuti-las." John Stott

Deixe seu comentario, sua critica, tenha liberdade para dar sua opinião

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...