segunda-feira, 9 de julho de 2012

Batalha Financeira! Ta lutando com quem?




Quando penso que já vi tudo sempre surge alguma pérola! Paulo, Pedro, João, João Batista e até o próprio Cristo tinham que ter conhecido essa bíblia, passaram tantas dificuldades na vida coitados; presos pela (maldita) pobreza.

tinha ouvido falar muito sobre essa bíblia tão rica em prosperidade, de 900 reais (o valor realmente é uma semente bem elevada $), mas nunca parei para ler seus ensinos.

Gostaria de citar apenas algumas ideias que estão introduzidas no rodapé dessa bíblia, que não passam de grandes heresias; vamos citar algumas: 



- Pobreza é escravidão

Pobreza nem sempre é “escravidão espirituall”, aliás, na maioria dos casos trata-se apenas de uma condição sócio-econômica, fruto do pecado, da acomodação, da injustiça social, do egoísmo e de outras mazelas. Você pode ser pobre, e mesmo assim, não ser escravo da pobreza. Você pode ser pobre e ser feliz! João Batista (Mt 3.4), Jesus (Lc 2.21-24 com Lv 12.8), Pedro e João (At 3.1-6), Paulo (2 Co 6.10) e tantos outros servos de Deus, apesar de pobres não eram “escravos” da pobreza. É preciso lembrar que a riqueza também pode promover escravidão (Mt 6.19-24). Desta maneira, não é a pobreza ou a riqueza em si que torna alguém escravo, mas sim, a forma como lidamos com essas condições sócio-econômicas.



- Não é a vontade de Deus que “você” viva na escravidão das dívidas e da pobreza no meio do seu povo


Você quem? Isso significa que todos os crentes deveriam ser ricos? Você quem? Aquele que comprou a referida Bíblia, ou foi alcançado por seus princípios e ensinamentos? Não amados, nem todos seremos ricos. As razões pelas quais isto não vai acontecer são as mais diversas e complexas possíveis e envolvem fatores sociais, pessoais, espirituais, circunstanciais e outros. Se você contribui com as suas ofertas e dízimos, é trabalhador honesto, se esforça para manter-se qualificado na profissão que exerce, administra com sabedoria o salário que recebe e mesmo assim não alcança a riqueza, não fique triste nem frustrado, contentai-vos com o que tendes (Fp 4.11; Hb 13.5). Seja rico para com Deus (Lc 12.21). Saiba que o mais importante nesta vida não é o quanto você tem, mas o que você é diante do Senhor. Se um dia você ficar rico, dê graças a Deus, se nunca isso acontecer, dê graças a Deus também (1 Ts 5.18).

E só para finalizar o racicionio gostaria de citar algumas pessoas que viveram oprimidas pela maldição por que não compraram a Bíblia de estudo batalha espiritual e vitoria financeira, segue abaixo os infelizes: 


- Eliseu (2 Rs 13.14-21) Enfermidade

- João Batista (Mt 3.4) Pobreza

- Jesus (Lc 2.21-24 com Lv 12.8) Pobreza (imagina que nem ele escapou!!!!)

- Lázaro (Jo 11.1-5) Enfermidade

- Pedro e João (At 3.1-6) Pobreza

- Paulo (2 Co 6.10) Pobreza

- Epafrodito (Fp 2.27) Enfermidade

- Timóteo (1 Tm 5.23) Enfermidade

- Trófimo (2 Tm 4.20) Enfermidade


O diabo continua em cima do monte oferecendo as riquezas do mundo de uma maneira direta ou indireta, e se ele tentou Cristo Por que não iria nos tentar?

Que o Senhor nos ajude a caminhar e reconhecer a vontade Dele ...

14 comentários:

  1. That's the real "$olus Bufunfu$"! (risos!)

    God bless you mano!


    Microscopicamente (João 3.30),

    Walter Filho

    ResponderExcluir
  2. Essa pérola é do malacraia, precisamos voltar ao evangelho urgentemente.

    METANÓIA e reforma já!

    ResponderExcluir
  3. A paz de Cristo.
    Amado irmão, temos mesmo de conhecer e seguir conhecendo a verdadeira Palavra, para não nos deixar abalar por ventos e tentações.
    http;//marjoryartes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Paz do Senhor Irmão,
    È triste observar que se campanha deste tipo consegue atrair tantas pessoas é porque o coração delas está cheio de amor ao dinheiro....pois de acordo com Mateus, cap.6,v.21:" Porque onde estiver o vosso tesouro,aí estará o vosso coração."Se os irmãos em Cristo Jesus acredita que todo servo de Deus, tem que ser rico, pode numa sociedade todos serem ricos? Ou uma classe enorme como a dos evangélicos todos serão ricos????????????È urgente, pedirmos a Deus discernimento do que está acontecendo....Irmãos que até agora ainda não compreenderam os ensinamentos de Jesus e sonham com a riqueza, pois veem os pregadores da prosperidade milionários, e não compreenderam ainda que para poucos serem ricos a maioria TEM que ser pobre.Mas a riqueza do povo de Deus, que teve um encontro com Jesus,não é nesta vida, quem quiser melhorar de vida: traballhe.

    ResponderExcluir
  5. Paz do Senhor, Vendo esse panfleto eu me pergunto: as pessoas deste mundo pós-moderno vão a igreja buscando riqueza material? Que mesquinho! Que triste! E o pior: Que vergonha, e paradoxalmente hilário.A que ponto o ser humano chegou...Muitos perderam o rumo do céu....

    ResponderExcluir
  6. Sobre este e muitos outros absurdos, quem leva parte da culpa, quem? Imagina! Como sempre: Os apóstolos, patriarcas, semi-querubins, e quase-arcanjos.

    De seu mano em Cristo; Tiago Santos.

    ResponderExcluir
  7. O presente texto é bíblico. É um verdadeiro esclarecimento para todos que não querem se deixar levar pelos enganos das riquezas.
    Bem eu também estou entre as pessoas que viveram oprimidas pela maldição por que não compraram a Bíblia de estudo batalha espiritual e vitoria financeira. RSRS.
    Fica a PAZ.
    Moderador do Recanto Cristão.

    ResponderExcluir
  8. Eu não vivo oprimida pela pobreza.
    Sou cristã desde a infância, tive pouca oportunidade na vida, não tive uma família modelo, vivi na casa de outras pessoas,conheci o trabalho na tenra idade e mesmo assim, não sou vivo sob esta maldição chamada pobreza.
    Pobreza tem quem investe R$ 900.00 em uma Bíblia para enriquecer, sabendo que para ficar rico a Bíblia comum e simples, já nos deu a dica: Trabalhar de dia e de noite para não ser pesado ao seu irmào. A mesma Bíblia simples e barata, nos ensina a amar ao próximo e que esta é a verdadeira Religião.
    Assim, a gente vai vivendo e vendo o joio tomar conta da plantação de trigo.
    Ainda bem que existem 'os blogueiros desconhecidos' que protestam contra estas artimanhas malignas.
    Parabéns
    Elisabeth Lorena Alves

    ResponderExcluir
  9. Olá meus queridos irmãos, Graça e Paz.
    É bom encontrarmos textos que fortalece a nossa fé e nos edifica. Parabéns pelo trabalho maravilhoso que desenvolve aqui é muito edificante. Os dias que vivemos são de tribulação, lutas e resfriamento na fé, e de muitas heresias onde muitos se estão alimentando, de alimento não sólido e contaminado, por isso adoecem espiritualmente, e poucos se importam com isso. Sejam os meus amigos irmãos os vasos de livramento, para mostrar o grande amor de Jesus. Trazendo mensagens edificantes aos nossos corações. Fico feliz quando encontro alguém que escreve com amor e dedicação. Aprendemos uns com os outros crescemos na graça no amor e no conhecimento do nosso Senhor Jesus Cristo. Quero aproveitar a oportunidade para partilhar o meu blog : Peregrino E Servo. Vou ficar muito feliz com sua visita e comentários. Deus te abençoe ricamente.

    ResponderExcluir
  10. PARABÉNS PELO BLOG E PELOS ESTUDOS AMADO QUE O SENHOR TE ABENÇOE!
    CONVIDO TAMBÉM A SEGUIR MEU BLOG: TEOLOGIA EM FOCO:
    http://pastoreliasribas.blogspot.com.br/

    UM ABRAÇO PR. ELIAS

    ResponderExcluir
  11. kkkkk;...... essa foi na boca do estômago!!
    Muito bom!!!!!
    Glória a Deus por sua vida!
    Fabi Felix,
    A escriba do Rei

    ResponderExcluir
  12. Demologia da prosperidade pura irmão...
    Eu nunca comprarei esta bíblia!

    Sai Lacraia - Xo Cerullo!

    Eu quero é Deus!

    ResponderExcluir
  13. Poxa, reavivemos a interação dos tempos de Ube!
    kkkkk...
    A big hug brother!

    http://blogdowaltim.blogspot.com

    ResponderExcluir

"Se amássemos mais a glória de Deus, se nos importássemos mais com o bem eterno das almas dos homens, não nos recusaríamos a nos engajar em uma controvérsia necessária, quando a verdade do evangelho estivesse em jogo. A ordenança apostólica é clara. Devemos “manter a verdade em amor", não sendo nem desleais no nosso amor, nem sem amor na nossa verdade, mas mantendo os dois em equilíbrio (...) A atividade apropriada aos cristãos professos que discordam uns dos outros não é a de ignorar, nem de esconder, nem mesmo minimizar suas diferenças, mas discuti-las." John Stott

Deixe seu comentario, sua critica, tenha liberdade para dar sua opinião

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...